Bufete de Informaciones Especiales y Noticias
SINDICATO DOS SECURITÁRIOS DO ESTADO DE SÃN PAULO - BRASIL

Maio, mês de lutas históricas

O mês de maio traz em seu bojo datas importantes a serem lembradas.
Por Serafim Gianocaro (*)

Rebanadas de Realidad - Sindicato dos Securitários, São Paulo, 09/05/06.- O 1º de maio aviva em nossa memória a luta dos (as) trabalhadores (as) para assegurar e respeitar a dignidade do trabalho humano. No dia 13 de 1888 foi assinada a Lei Áurea e, a partir da década de 70, esse dia passou a ser considerado o Dia Nacional de Combate ao Racismo. A luta por liberdade e acesso às riquezas produzidas pelo suor de seu trabalho é a bandeira que une negros, mestiços e, conseqüentemente, toda a classe trabalhadora.

O neoliberalismo tece novas teias de escravidão por meio de seu modelo econômico excludente. Mecanismos que expropriam a força de trabalho e produção em detrimento do acúmulo do capital. A competição exacerbada mina as relações de solidariedade existentes na classe operária e incentiva a negociação individual, facilitando o domínio da classe patronal e a corrosão de direitos estáveis dos trabalhadores.

De acordo com uma pesquisa publicada pelo Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Unafisco), os trabalhadores formais pagaram mais impostos do que as empresas e os bancos em 2005.

Nessa lógica onde a única preocupação do mercado é o mercado, reserva-se ao negro(a) o papel de mero espectador. Basta olhar em volta e constatar a desigualdade que nos cerca e com a qual as classes menos abastadas são premiadas.

Neste mês de maio queremos ir além dos festejos e reafirmar nosso compromisso com a classe trabalhadora. Questionar e oporse a esse sistema perverso faz parte da nossa missão. Nosso sindicato luta para que a criatividade e a dignidade humana do (a) trabalhador(a) sejam valorizadas e respeitadas em todas as suas dimensões, independente de raça, etnia ou classe social. Parabéns trabalhador (a)!

(*) Presidente do Sindicato dos Securitários do Estado de São Paulo.
Gentileza de Léia Hirosse, Jornalista responsable do Departamento de Comunicação Sindicato dos Securitários SP / Web - Correo
Rebanadas de Realidad - Envíenos sus comentarios e informaciones